quarta-feira, 12 de outubro de 2016

O AJUNTAMENTO DAS ÁGUIAS


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O AJUNTAMENTO DAS ÁGUIAS

 (Mateus 24:28) -  Pois onde estiver o cadáver, aí se ajuntarão as águias.



Será que o tamanho e a qualidade da carniça determina a quantidade e qualidade de abutres ajuntados?
Creio ser ingenuidade pensar que as riquezas naturais do mundo atraem pessoas irmanadas, santificadas, dispostas a explora-las e dividi-las com a humanidade como um todo...

 
O que dizer dos postos de comando do país mais rico do mundo em recursos naturais? 

  
Atrairia punguistas?


Ladrões de automóveis?
  

Arrombadores?


O que dizer de assaltantes de banco? Ainda é café pequeno?
Quem administra tantas riquezas naturais nesse mundo?


 São pessoas operárias e honestas, como um todo, mas, que não saem da frente da TV, assistindo um futebol, entre outras atrações? São pessoas punguistas, ladrões de automóveis ou até mesmos assaltantes de banco? Ou pessoas com um QI elevado, porém, insensíveis com o próximo?



E o que dizer dos dois principais mandamentos evangélicos que resumem todos os outros?
(Mateus 22:37) -  E o Messias disse-lhe: Amarás o Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu pensamento.
(Mateus 22:38) - Este é o primeiro e grande mandamento.
(Mateus 22:39) - E o segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo.
(Mateus 22:40) - Destes dois mandamentos dependem toda a lei e os profetas.

No meu modo de entender as Escrituras, amar o próximo como a si mesmo, não é dá esmola e, sim, dividir com os necessitados, tudo que vai além do abrigo da família, sustento e cobertura do corpo... (Isto, dentro de certo critério escriturístico, pois não é justo deixar de ajudar um verdadeiro irmão de fé necessitado, para ajudar quem vai gastar tudo com bebidas alcoólicas e outras drogas, por exemplo!)
(I Timóteo 6:8) -  Tendo, porém, sustento, e com que nos cobrirmos, estejamos com isso contentes.

Biblicamente falando, o reino do mal é por natureza um reino dividido e por isso não se sustentará indefinidamente. E o progresso técnico e científico atual, facilita com que ele caminhe a passos acelerados para o “abismo”.
 (Mateus 12:25) – O Messias, porém, conhecendo os seus pensamentos, disse-lhes: Todo o reino dividido contra si mesmo é devastado; e toda a cidade, ou casa, dividida contra si mesma não subsistirá.

Profecias estão se cumprindo e, no todo, tudo indica que Zacarias 13:8 não ficará de fora...
(Zacarias 13:8) -  E acontecerá em toda a terra, diz o SENHOR, que as duas partes dela serão extirpadas, e expirarão; mas a terceira parte restará nela.
  
A banda podre da humanidade é minoria, enquanto a do bem é maioria, portanto, o destino do mundo está nas mãos da maioria... Devemos como um todo continuar em frente à TV, e mais recentemente ao tablet, ou arregaçar as mangas e fazer alguma coisa... A UNIÃO FAZ A FORÇA... Ou nos conformemos com as mazelas desse mundo, até quando só o Pai Celestial sabe?
 















(Romanos 12:2) -  E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade do Pai Celestial.
(I Corintios 2:9) - Mas, como está escrito: As coisas que o olho não viu, e o ouvido não ouviu, E não subiram ao coração do homem, São as que o Pai Celestial preparou para os que o amam.
(Apocalipse 20:6) -  Bem-aventurado e santo aquele que tem parte na primeira ressurreição; sobre estes não tem poder a segunda morte; mas serão sacerdotes do Pai Eterno e do Messias, e reinarão com ele mil anos.
 
  
 

 


sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

AMOR PALIATIVO AO PRÓXIMO



AMOR PALIATIVO AO PRÓXIMO

Amar o próximo de boca ou com obras paliativas (filantropia, esmola, prato de comida, etc.) é o mesmo que enxugar gelo? Não quero dizer que são obras ruins, são boas, mas, a meu ver não é nada biblicamente contextual no que se refere a “amar o próximo como a si mesmo”...

"Meus filhinhos, não amemos de palavra, nem de língua, mas por obra e em verdade."  (I João 3 : 18)

A verdadeira igreja se caracteriza pela imitação da igreja dos apóstolos, de cerca de dois mil anos passados, não no que se refere à rusticidade generalizada dos tempos bíblicos ou falta de tecnologia, mas, na verdadeira prática bíblica do amor ao próximo, onde tudo era de todos?

"E vendiam suas propriedades e bens, e repartiam com todos, segundo cada um havia de mister."  (Atos 2 : 45)
"Não havia, pois, entre eles necessitado algum; porque todos os que possuíam herdades ou casas, vendendo-as, traziam o preço do que fora vendido, e o depositavam aos pés dos apóstolos."  (Atos 4 : 34)

A igreja que não enxuga gelo com o amor de palavras, carrega as cargas uns dos outros e não prioriza comida, bebida, casamento? Ela é de fato uma grande família entre verdadeiros irmãos no Filho do Eterno e se preocupa de fato, uns com os outros?

"Levai as cargas uns dos outros, e assim cumprireis a lei de Cristo."  (Gálatas 6 : 2)
"Porquanto, assim como, nos dias anteriores ao dilúvio, comiam, bebiam, casavam e davam-se em casamento, até ao dia em que Noé entrou na arca,"  (Mateus 24 : 38)
"De sorte que, o que a dá em casamento faz bem; mas o que não a dá em casamento faz melhor."  (I Coríntios 7 : 38)
"A religião pura e imaculada para com o Soberano, o Pai, é esta: Visitar os órfãos e as viúvas nas suas tribulações, e guardar-se da corrupção do mundo."  (Tiago 1 : 27)
"Tendo, porém, sustento, e com que nos cobrirmos, estejamos com isso contentes."  (I Timóteo 6 : 8)
"Não ajunteis tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem tudo consomem, e onde os ladrões minam e roubam;"  (Mateus 6 : 19)

Até hoje, no sistema evangélico que conheço, nunca vi nada que me levasse a crer que aquele Espírito que acompanhava “Pedro” estivesse presente em membros ou líderes de igrejas que conheci, pessoalmente e através da mídia, e olha que foram muitas...
É difícil, se não impossível, uma igreja, mesmo sem templos, ser abençoada com o mesmo espírito que estava com “Pedro”, se não for nos moldes da própria igreja de “Pedro”?

"Então Pedro, cheio do Espírito Santo, lhes disse: Principais do povo, e vós, anciãos de Israel,"  (Atos 4 : 8)

"De sorte que transportavam os enfermos para as ruas, e os punham em leitos e em camilhas para que ao menos a sombra de Pedro, quando este passasse, cobrisse alguns deles."  (Atos 5 : 15)
"E foram vistas por eles línguas repartidas, como que de fogo, as quais pousaram sobre cada um deles."  (Atos 2 : 3)
"Muitos, porém, dos que ouviram a palavra creram, e chegou o número desses homens a quase cinco mil."  (Atos 4 : 4)
"E de repente veio do céu um som, como de um vento veemente e impetuoso, e encheu toda a casa em que estavam assentados."  (Atos 2 : 2)
"E de repente sobreveio um tão grande terremoto, que os alicerces do cárcere se moveram, e logo se abriram todas as portas, e foram soltas as prisões de todos."  (Atos 16 : 26)
"Testificando também o Pai com eles, por sinais, e milagres, e várias maravilhas e dons do Espírito Santo, distribuídos por sua vontade?"  (Hebreus 2 : 4)

Podemos crer numa igreja onde não acontecem coisas do gênero? Chegaremos a “algum lugar” amando o próximo com palavras? O que falta para que vejamos evidências de que o Espírito que acompanhava “Pedro” está agindo no meio dos que almejam ser reconhecidos pelo Próprio Eterno como remanescentes Dele?

terça-feira, 27 de janeiro de 2015

O AJUNTAMENTO DOS REMANESCENTES



O AJUNTAMENTO DOS REMANESCENTES

 

 

O povo, como um todo, em todos os tempos foi ignorante, e continua, apesar do progresso científico e tecnológico... Biblicamente falando, até o povo escolhido já foi comparado a boi e jumento...

"O boi conhece o seu possuidor, e o jumento a manjedoura do seu dono; mas Israel não tem conhecimento, o meu povo não entende."  (Isaías 1 : 3)

Existe muita gente formada em nível superior, que apesar dos conhecimentos específicos, é politicamente ignorante (o que dizer da ignorância espiritual?), imaginem os que teen apenas ensino fundamental ou nem isso, que são a grande maioria da população? Creio, que os remanescentes entendidos espiritualmente e politicamente, como um todo, estão espalhados e vivendo em jugo desigual, comendo nas mãos de infiéis, feitos brasas isoladas lutando para se manterem acesas...
Para mim é evidente, que com os remanescentes espalhados, seus conhecimentos são desprezados pela quase totalidade da população... Infelizmente, quando o ouro é muito escasso, em meio à predominância de escórias, ele não é visto ou valorizado; precisa de muito fogo para que as “micro-pepitas” se unam e apareçam num só corpo reluzente e passem a ter o devido valor, em meio a tanta matéria carbonizada que o encobria... Tudo indica que o fogo profético depurador está chegando através de raios solares apocalípticos, que trazem secas e abrasamento para esses tempos finais:

"E o quarto anjo derramou a sua taça sobre o sol, e foi-lhe permitido que abrasasse os homens com fogo."  (Apocalipse 16 : 8)

"Filho do homem, a casa de Israel se tornou para mim em escórias; todos eles são bronze, e estanho, e ferro, e chumbo no meio do forno; em escórias de prata se tornaram."  (Ezequiel 22 : 18)

"E farei passar esta terceira parte pelo fogo, e a purificarei, como se purifica a prata, e a provarei, como se prova o ouro. Ela invocará o meu nome, e eu a ouvirei; direi: É meu povo; e ela dirá: O SENHOR é o meu Soberano."  (Zacarias 13 : 9)